polacodabarreirinha

Poesia, música, gracinhas e traquinagens

segunda-feira, outubro 13, 2008


o beabá do amor


depois que aprendi o alfabeto

comecei a inventar palavra

no começo ela era quase nada

mas hoje é tudo para mim


cada um tem seu próprio dialeto

quando fala com a voz do coração

no começo nem mesmo era canção

mas hoje é tudo para mim


em cada verso uma rima eu projeto

pra fazer a alegria do povão

no começo era só por diversão

mas hoje é tudo para mim


a gente aprende a falar pra falar de amor

meias palavras não bastam ao bom entendedor

amor era só uma palavra

mas hoje é tudo para mim


(thadeu, edilson)




0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial