polacodabarreirinha

Poesia, música, gracinhas e traquinagens

segunda-feira, novembro 17, 2008




sinapses de uma figa


saí na indecisão e encontrei ao acaso
aquela ilusão que outrora havia me arrebatado
incontinente sorri nervos à flor da pele
a perna bamba psicologicamente ruim

respirei bem fundo
como se pudesse fugir desse mundo
amor que faz sofrer
é sempre um osso duro de roer

e lá me fui cheio de intenção
quimicamente equivocado
furioso vazando feromônios
com tesão pra tudo quanto é lado



(Thadeu W, Walmor, Rodrigão e Ferreira)

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial