polacodabarreirinha

Poesia, música, gracinhas e traquinagens

sexta-feira, janeiro 30, 2009



Estações da Alma


ainda que duro você caia,
é muito bom que saiba,
um sol não cai antes da hora,
também a lua não demora.

não desanime, não esmoreça,
nem deixe que a mágoa cresça,
a vida vai e vem em ciclos,
tonteia quem anda em círculos!

ainda que você não possa
trazer todo encanto de volta
e tenha que pisar na relva
e em suas flores ressequidas,

não se aflija por essas vidas,
acalma o peito e sossega.
em tudo o tempo é remédio,
basta a força do teu credo!

ainda que você não a veja
a beleza existirá pra sempre
e onde quer que você esteja
ela estará bem à tua frente!

haverá tempo para a aflição
mas nunca para a rendição.
haverá tempo para a alegria,
hoje vai ser um grande dia!



Antonio Thadeu Wojciechowski

3 Comentários:

Às 30 janeiro, 2009 , Blogger Curitiba é um copo vazio cheio de frio disse...

Lindo, Polaco.
Leitura perfeita antes de por o pé pra fora da porta.
Bjos

 
Às 30 janeiro, 2009 , Blogger polacodabarreirinha disse...

Grande dia pra vc, querida!

 
Às 01 fevereiro, 2009 , Anonymous Paola Wojciechowski disse...

Feliz da filha do poeta... Em cada poesia um conselho paterno...

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial