polacodabarreirinha

Poesia, música, gracinhas e traquinagens

terça-feira, novembro 04, 2008



roteiro para um labirinto


uma fêmea dessas
feita a danoninho e cremes
guarda-roupas com mil e uma peças
e mais sapatos que PMs
em dia de manifestação operária

uma fêmea dessas
capaz de provocar hurricanes
tsunamis e urticária
no território árido do coração de um homem
até que de deserto em deserto o desmontem

uma fêmea dessas
coberta de jóias, sedas e je t’aimes
amaciada por massagens e compressas
é um prato cheio para os vermes
e os canalhas colecionadores de grana

depois, quando uma fêmea dessas
deita em sua cama
e sobre o travesseiro afunda a cabeça
uma estranha mão, cheia de dedos, às pressas,
age querendo que tudo aconteça!

comedor de ranho

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial