polacodabarreirinha

Poesia, música, gracinhas e traquinagens

terça-feira, setembro 30, 2008





poeminha para reflexão

um poeta, poeta,
não precisa disso
nem daquilo
é tão comum
todo mundo está careca de saber
tudo aquilo
não vai nos levar a lugar nenhum

se não tens nada pra fazer agora
escreve um verso bem bonito
diz adeus e vá-te embora

só não digas que os grandes espaços siderais
refrigeram tua alma e arrefecem tua dor
por que vamos acabar pensando
que, em vez de coração,
tu tens no peito um baita radiador

Polaco da Barreirinha








1 Comentários:

Às 02 outubro, 2008 , Anonymous Anônimo disse...

das boas


ruga

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial